Nem toda a leitura ou escrita é aconselhável a um depressivo. Penso em Florbela Espanca e as suas palavras só podem deprimir. Nem gosto de as ler quanto mais se as escrevesse. Alguém para dizer aquilo tem que estar a puxar o sofrimento do fundo da alma e a dor alimentada engorda. Há coisas que se dizem e fazem que nos prejudicam. É preciso ter muitíssimo cuidado, especialmente, com alguma poesia.